terça-feira, 24 de abril de 2012

Sk8er Boi - Capítulo 13


Já estávamos nos nossos acentos quando o Nick chegou, ele falou com a Sel e depois veio falar comigo e então se sentou ao lado dela. O Show estava prestes a começar, as luzes já tinham se apagado e todos os fãs gritavam, as luzes do palco começaram a acender e a bateria começou a tocar. Era agora, depois de todo esse tempo, eu ia reencontrar o Joe.
Ele subiu ao palco e começou a cantar e tocar a sua guitarra, ele estava realmente lindo. O tempo só fez bem pra ele. Eu já estava longe nas minhas lembranças e pensamentos quando a Selena puxou meu braço me chamando a atenção

Sel: No final do show, nós vamos até o camarim dele.

Demi: O que?

Sel: É! Era essa a novidade, eu só tinha esquecido de contar.

Esquecido de contar? ESQUECIDO DE CONTAR? Como assim Selena? Ela não podia ta me dando essa noticia assim. O que eu vou dizer a ele? “Oi Joe, desculpa se eu te fiz sofrer. Eu te amo.” O que? O que foi isso agora? Não, eu não o amo.

Sel: Demi, presta atenção.

Demi: O que foi?

Sel: Você ouviu o que eu falei?

Demi: O que? Acho que não.

Sel: Eu e o Nick temos que resolver umas coisas de última hora. Fica aqui, no final do show eu volto pra te levar no camarim.

Demi: Ah, claro!

Ela e o Nick saíram e eu continuei lá, me esforçando pra prestar atenção nas músicas, afinal eu estava lá pra ouvir as músicas dele.
A quem eu estou querendo enganar? Claro que não é por isso! Eu ainda me sinto do mesmo jeito que na adolescência em relação a ele. Não tenho idéia do que falar quando chegar no camarim.

POV Demi OFF

Depois de algumas músicas, Joe fechou o show com o seu maior sucesso. Não demorou muito pra que Selena e Nick voltassem até Demi.

POV Demi ON

A Sel chegou com o Nick, o Joe já cantava a última música. Mas o Nick não ficou muito tempo, apenas sussurrou alguma coisa no ouvido de Sel e depois saiu.
Quando o Joe acabou de cantar, agradeceu a todos e percebi que ele olhou pra mim. Se ele tinha me visto ou não, eu não sabia ao certo, mas eu percebi que ele meio que parou ao olhar na direção em que eu estava. Logo depois ele saiu do palco, então a Selena foi me levando até o camarim dele.
Não era tão longe, em menos de um minuto já estávamos lá. O Nick já estava lá com o Joe, quando nós chegamos, os dois estavam apertando as mãos e se abraçando. O Nick logo percebeu nossa presença.

Nick: Meninas!

Sel: Foi um show incrível Joe! Parabéns.

Joe parecia paralisado a me ver. Não falou nada desde o segundo que nos notou ali.

Nick: Joe, você se lembra da Demi?

Joe: Demi... Claro! Vocês me dão um segundo?

Eu dei de ombros, e assim como o Nick e a Sel, ia saindo, até que ele me repreendeu.

Joe: Você não Demi.

Sel e Nick deixaram o camarim, então o Joe puxou uma cadeira pra mim e eu sentei, ele sentou-se de frente pra mim.

Joe: Então, como tem passado?

Demi: Muito bem. E você? Casou? Tem filhos?

Joe: Não... Ainda espero a mulher certa

E ele sorriu. Aquele sorriso. O sorriso dele, apenas o dele, conseguia me deixar sem graça. Eu sorri discretamente também, um silêncio constrangedor dominou por alguns segundos, até que o Joe o quebrou.

Joe: O que achou do show?

Demi: Eu gostei. Você canta muito bem, sempre cantou.

Joe: Obrigado!

Mais uma vez o silêncio reinou. Eu precisava contar a ele. Falar que aquele dia foi um erro, eu realmente gostava dele.

Demi: Joe...

Joe: Oi?

Demi: Eu vim por um motivo.

Joe: E qual seria ele?

Demi: Bom... Eu queria falar sobre o que aconteceu antes.

Joe: Deixa isso pra lá. Já passou, ninguém se importa mais.

Demi: Eu me importo e eu queria muito conversar com você.

Joe: Tudo bem. O que você quer falar?

Ele se levantou da cadeira em que estava e foi até o cabide de roupas que tinha mais afastado. Parecia como se ele não quisesse falar sobre o assunto, mas eu precisava dizer a verdade a ele, contar que foi tudo culpa do meu pai e que por mim, eu não o deixaria.

Demi: Você se lembra do que aconteceu naquele dia no colégio?

Joe: Sim, não tem como esquecer. Você foi a única que disse olhando nos meus olhos que eu não fui nada pra você.

Ele disse num tom meio amargo, ele realmente não queria falar sobre aquele dia. Ele parecia procurar uma roupa, ou simplesmente, não queria olhar pra mim.

Demi: Isso... Bom. Eu queria pedir desculpas. Eu fui muito dura com você.

Joe: Fácil pedir desculpas depois que aconteceu.

Ele continuava de costas pra mim, isso tava me incomodando profundamente. Mas agora ele não procurava nada, só não queria me olhar mesmo.
______________________
Vim aqui, correndo só pra postar pra vocês. Tô super ocupada agora.
Bom, até amanhã ;)

Um comentário:

  1. Amei não demora pra postar por favor!!
    Tah muito linda sua historia!!

    ResponderExcluir